MCR - ECUADOR (2017)

Lançado: 9 de Novembro de 2017

MICROFINANCE COUNTRY REPORT: ECUADOR

Informações relevantes para a tomada de decisões e facilitar a compreensão do ambiente das microfinanças locais aos investidores especializados.

 

 

Só disponível em Espanhol.

MCR - COLOMBIA (2017)

Lançado: 28 de Setembro de 2017

MICROFINANCE COUNTRY REPORT: COLOMBIA

Informações relevantes para a tomada de decisões e facilitar a compreensão do ambiente das microfinanças locais aos investidores especializados.

 

 

Só disponível em Espanhol.

Relatório Especial - Setembro 2017

Lançado: 22 de Setembro de 2017

Intercambiando as melhores práticas da África e Ásia

Excelente planejamento estratégico, clara orientação ao cliente e capacitação permanente do staff resumem as melhores práticas observadas em Instituições Financeiras (IFIs) top avaliadas por MicroRate na África e Ásia. 

Relatório Especial - Julho 2017

Lançado: 6 de Julho de 2017

SISTEMAS DE ADMINISTRAÇÃO DE RISCOS - EXIGÊNCIAS PARA AS ENTIDADES SOLIDÁRIAS COLOMBIANAS

Só disponível em Espanhol.

Relatório Especial - Maio 2017

Lançado: 2 de Maio de 2017

METODOLOGIA GRUPAL, PRINCIPAIS RISCOS E AMEAÇAS

Ainda que a colocação de microcréditos de maneira grupal denota a essência das microfinanças por sua atenção na base da pirâmide, é talvez o mecanismo de colocação mais exposto a risco operacional e também de reputação.

Relatório Especial - Abril 2017

Lançado: 6 de Abril de 2017

PRÁCTICAS QUE AUMENTAM O RISCO CREDÍTICIO

Um crescimento fora do comum em um contexto complexo, aprovação de operações arriscadas, comercialização de ativos creditícios, sistemas de informação paralelos, são práticas que afetam – mais cedo que tarde – o risco creditício. Na experiência de MicroRate, uma inadequada gestão na qualidade de ativos tem um impacto direto, embora não necessariamente imediato, na saúde das instituições financeiras – IFIs.

Relatório Especial - Janeiro 2017

Lançado: 24 de Janeiro de 2017

SUSTENTABILIDADE COM RESPONSABILIDADE – SETOR MICROFINANCEIRO NA AMÉRICA LATINA

A gestão de desempenho social – GDS, não parece ser uma “moda” passageira nas micro finanças latino-americanas. Pelo contrário, ela está se tornando em um objetivo estruturado e até exigido em alguns países da região.

De fato, existe grande interesse a nível mundial pelo serviço social do setor microfinanceiro, com evidente sentido ao atender a um segmento economicamente sensível.

Relatório Especial - Agosto 2016

Lançado: 31 de Agosto de 2016

Só disponível em Espanhol.

Newsletter - Junho 2016

Lançado: 1 de Junho de 2016

Só disponível em Espanhol.

 

 

Newsletter - Maio 2016

Lançado: 1 de Maio de 2016

PANORAMA DO SETOR COOPERATIVO NO PERU

 América latina: dimensões de um sistema amplo

Cada ano as cooperativas vêm tomando maior importância em termos de acesso aos serviços financeiros para a população da América Latina, através da captação de depósitos e concessão de empréstimos.

Newsletter - Março 2016

Lançado: 1 de Março de 2016

VOLATILIDADE DA TAXA DE CÂMBIO NA AMÉRICA LATINA

Um ambiente econômico mundial mais instável vem afetando de maneira importante os mercados internacionais de divisas. Acontecimentos como a recuperação econômica dos Estados Unidos, a desaceleração da China e a queda do preço das matérias primas provocaram uma maior volatilidade das moedas da América Latina em relação ao dólar durante o último ano.

Newsletter - Outubro 2015

Lançado: 1 de Outubro de 2015

RESULTADOS SOCIAIS NA AMÉRICA LATINA

Pouco avanço na profundidade e no cumprimento da atenção, além da limitada eficiência social revelam desafios no desempenho social

Se bem se enxerga uma normal maduração das IMF no acompanhamento do desenvolvimento do negócio dos seus clientes com montantes maiores de crédito, também é notável o seu ingresso em outros públicos alvos como pequena e média empresa.

Newsletter - Agosto 2015

Lançado: 1 de Agosto de 2015

AS PARTICULARIDADES DAS MICROFINANÇAS NOS CONTEXTOS LATINOAMERICANOS

Embora as microfinanças no Brasil, Colômbia, México e Peru mostram peculiaridades, coincidem com seu foco no microempreendedor e sua gestão de modelo de negócio de auto sustentabilidade.

As IMF não reguladas são as principais representantes da oferta creditícia que se distinguem por oferecer montantes e prazos de acordo ao público alvo, as taxas de juros ativas comparativamente inferiores à média regional.

Newsletter - Junho 2015

Lançado: 1 de Junho de 2015

AUTO REGULAÇÃO, UM BOM INÍCIO PARA O FORTALECIMENTO

Alinhar um conjunto de regras e boas práticas é usualmente pouco atrativo. Apesar que implica mais processos, controle, tempo e dinheiro, os benefícios excedem em muito o investimento.

Conceitualmente, a auto regulação considera um conjunto de mecanismos e regras administrativas, organizacionais, financeiras auto impostas pelas instituições com o fim de fomentar seu atempado ordenamento, planificação, gestão de riscos e transparência. A auto regulação é assim uma estrutura alternativa importante e referencial que simula a supervisão oficial.

Newsletter - Março 2015

Lançado: 1 de Março de 2015

CONTROLE INTERNO, TRABALHO DE TODOS

A clara definição de objetivos, funções, responsabilidades e processos nas diversas áreas de toda instituição financeira favorecem um bom controle interno. O desafio para aqueles que crescem e evoluem é o fortalecimento.

A eficácia dos controles em toda organização surge quando cada posição de trabalho conhece bem suas funções e responsabilidades mas, sobretudo, quando as cumpre. O trabalho complementário e especializado tem, sem dúvida, maior relevância na medida que o volume das operações se acrescenta e descentraliza.

Newsletter - Outubro 2014

Lançado: 1 de Outubro de 2014

BOAS PRÁTICAS NA GOVERNANÇA CORPORATIVA

O alinhamento dos interesses entre os diretores, seu alto compromisso com a instituição; o bom conhecimento do setor e o equilíbrio de poder promovem uma favorável governabilidade nas empresas.

A boa governança é definida como o conjunto de ações e processos que procuram o correto funcionamento da organização e a proteção dos interesses dos “stakeholders” (acionistas, clientes, empregados, fornecedores, outros).

Newsletter - Setembro 2014

Lançado: 1 de Setembro de 2014

RESULTADOS BENCHMARK MICRORATE 50 DEZEMBRO 2013

O resultado (margem) operacional do setor microfinanceiro na América Latina (AL) ainda é aceitável embora com acentuada tendência decrescente. Pressões competitivas e deterioro na qualidade de carteira são os fatores principais que explicam o indicador.

Nos últimos anos, a competitividade no setor microfinanceiro incrementou-se consideravelmente beneficiando, em certo sentido, em um maior acesso ao crédito às pessoas de ingressos menores. No entanto, a maior oferta creditícia e o desejo de aumentar o domínio de mercado das instituições financeiras também geraram deterioro na qualidade de carteira.

Newsletter - Maio 2014

Lançado: 1 de Maio de 2014

Só disponível em Espanhol.

Guia Técnica de Indicadores

Lançado: 16 de Maio de 2014

MicroRate tem o prazer de anunciar a publicação da "Guia Técnica de Indicadores de Desempenho Financeiro e Social para Instituições Microfinanceiras (IMF)".

O documento apresenta a interpretação e medição de 18 dos indicadores de desempenho mais utilizados. Quatro novos indicadores enfocam-se no desempenho social.

Por cada indicador, a Guia apresenta definições, interpreta seu significado, identifica potencias supostos no seu uso e facilita a benchmark regional. MicroRate adicionou uma subsecção por cada indicador para expor "¿Qual é a relação com o setor bancário?". É assim que a guia procura ser útil para aqueles novos leitores em microfinanças.

Os indicadores incluídos na guia são organizados em 5 secções: Qualidade de Carteira, Eficiência e Produtividade, Gestão Financeira, Rentabilidade e Desempenho Social. Apesar que uma vasta gama de indicadores pudessem ser considerados, os apresentados neste documento, tomados em conjunto, facilitam um olhar razoável sobre o desempenho, perfil de riscos e financeiro da IMF, assim como uma opinião sobre seu desempenho social.

Desde que esta Guia Técnica foi publicada por primeira vez em 2000, foi adotada como um manual de treinamento e fonte de Informação para a estandardização dos indicadores chaves. Esperamos que este documento seja uma ferramenta útil para a avaliação do desempenho das IMF.

Newsletter - Fevereiro 2014

Lançado: 1 de Fevereiro de 2014

Só disponível em Espanhol.

Newsletter - Janeiro 2014

Lançado: 1 de Janeiro de 2014

Só disponível em Espanhol.

Situação do Investimento em Microfinanças 2013

Lançado: 4 de Novembro de 2013

Só disponível em Espanhol e Inglês.

Newsletter - Julho 2013

Lançado: 1 de Julho de 2013

Só disponível em Espanhol.

Newsletter - Junho 2013

Lançado: 1 de Junho de 2013

DESAFIOS NA GESTÃO DO CAPITAL HUMANO EM MICROFINANÇAS

Diante dos mercados cada vez mais concorridos em microfinanças, as Instituições Microfinanceiras (IMFs) se preparam para continuar crescendo e evoluindo. Porém, o planejamento estratégico orientado a alcançar estes objetivos parece esquecer um ingrediente fundamental: um capital humano bem capacitado e identificado com os valores e com missão institucional

A definição do perfil laboral alinhado à missão é chave, como o é a gestão por competências orientada à evolução profissional e, portanto, institucional. Na verdade, a consolidação do recurso humano se torna uma vantagem competitiva que permite à entidade avançar sustentadamente sobre seus planos e inclusive a prepara diante de eventuais mudanças em seu entorno.

Definição de níveis (TIER) para Instituições de Microfinanças

Lançado: 10 de Abril de 2013

Só disponível em Espanhol e Inglês.

Newsletter - Março 2013

Lançado: 1 de Março de 2013

A IMPORTÂNCIA DA PROTEÇÃO AO MICRO-EMPRESÁRIO

Validar o cumprimento da missão é importante para toda instituição financeira, porém pode ser ainda mais, se houver a confirmação que - para alcançá-la - não se está prejudicando seus clientes.

O crescente amadurecimento do setor microfinanceiro faz que, às vezes, as instituições microfinanceiras (IMFs) esqueçam que seu nicho atendido está tipicamente liderado por empreendedores de escassos recursos econômicos. Aproximadamente 200 milhões de pessoas de baixos recursos ao redor do mundo, anteriormente não atendidos pelo setor financeiro tradicional, atualmente têm acesso ao capital através das IMFs.

Newsletter - Janeiro 2013

Lançado: 1 de Janeiro de 2013

EFICIÊNCIA OPERACIONAL E QUALIDADE DE CARTEIRA NO CONTEXTO MEXICANO

O recentemente lançado “Microscópio Global sobre o Entorno de Negócios para as Microfinanças” outorgou o nono lugar ao México (décimo em 2010) no ranking de países com melhor entorno do setor microfinanceiro. Porém, existem algumas características deste mercado possivelmente pouco detalhadas que valeriam à pena revisar.

A indústria microfinanceira mexicana está composta de um grande número de Instituições Microfinanceiras (IMFs) - com uma maioria não-regulada, que chegariam a ser cerca de 3.000 -, sob a forma de Sociedades Financeiras de Objeto Múltiplo, “SOFOM”. A atraente rentabilidade das operações (devido a um elevado rendimento de carteira), a abundância de fundos públicos e os mínimos requerimentos patrimoniais para a formação destas entidades sustentam sua proliferação.

Situação do Investimento em Microfinanças 2012

Lançado: 16 de Outubro de 2012

Só disponível em Inglês.

Centráis de Risco e Burós de Crédito

Lançado: 4 de Outubro de 2012

Só disponível em Espanhol e Inglês.

Investimento en microfinanças: Un adianto

Lançado: 18 de Outubro de 2012

Só disponível em Inglês.

The Tipping Point: Over-indebtedness and Investment in Microfinance

Lançado: 1 de Março de 2012

Só disponível em Inglês.

The State of Microfinance Investment 2011

Lançado: 1 de Agosto de 2011

Só disponível em inglês.

The State of Microfinance Investment 2010

Lançado: 10 de Fevereiro de 2010

Só disponível em inglês.

Threats and Opportunities during Crisis - Mexico

Lançado: 7 de Novembro de 2009

Só disponível em espanhol.

Cautious Resilience

Lançado: 1 de Março de 2009

Só disponível em espanhol e inglês.

Situação do Investimento em Microfinanças 2009

Lançado: 21 de Fevereiro de 2009

Só disponível em Inglês.

Estudo sobre Veículos de Investimento em Microfinanças 2007

Lançado: 17 de Agosto de 2008

Só disponível em Inglês.

Papéis Invertidos

Lançado: 14 de Fevereiro de 2007

Só disponível em Inglês.

Guia Técnica sobre Indicadores de Desempenho para as Instituições Microfinanceiras

Lançado: 21 de Novembro de 2006

Só disponível em Espanhol.

Veículos de Investimento em Microfinanças 2006

Lançado: 6 de Novembro de 2006

Só disponível em Inglês.